manchinha

Abril 30 2007
há palavras de que eu gosto realmente muito palavras que são como um doce a derreter na boca há palavras que são precisas afiadas talhada na pedra para depois as arremessarmos como uma bala são palavras boas e más certeiras que exprimem exactamente o que nos vai dentro também há palavras facas titubeantes pusilânimes flácidas invertebradas atiradas ao acaso e nem sempre nos incomodam mas surtem sempre um efeito desagradável incómodo insidioso por que razão se ouvem tantas dessas e não das outras palavras quando ouvimos responsáveis irresponsáveis a falar é coisa que me aterroriza
publicado por manchinha às 10:01

manchas negras, cinzentas e brancas em todos os cantos da nossa vida. que fazer senão chocar de frente com elas e esperar que o acidente tenha consequências notáveis?
mais sobre mim
Abril 2007
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13
14

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29


pesquisar
 
blogs SAPO