manchinha

Janeiro 22 2008
ando aqui a contar pelos dedos mas não é porque não tenha uma calculadora nem pensar que tenho a maquinaria toda telemóveis um de cada rede a tal calculadora a máquina dos sumos a palm a cafeteira do café máquina fotográfica gravadora e por aí fora e agora perguntem-me lá quantas vezes as uso que eu digo-vos se não todos os dias pelo menos dia sim dia não chego à conclusão que gasto todo o meu dia de volta dos gadgets é lá possível que perca tanto tempo a utilizá-los todos mas é verdade também tenho um caderninho aliás vários onde vou rabiscando muito contente o que me passa pela real veneta sempre que me falha um dos gadgets já viram que a palavra me agrada tudo menos o filme do inspector que sempre me irritou desde catraia que tipo desinteressante irritante e então estava eu a dizer que tenho os caderninhos que fazem assim as vezes de blogue só que passam a vida enfiados nos bolsos na mala no porta-luvas onde calha que também é mais ou menos quando calha que pego neles e debito aleivosias às vezes vou lá e leio qualquer coisa e assombro-me sempre mas que raio não me lembro nada de escrever isto nem pareço eu tudo bem já tive tempo de aprender que a memória é a coisinha mais traiçoeira que temos sempre a emparelhar por aquilo que nos faz gosto até dos desgostos se lembra a gosto enfim e então no outro dia fui descobrir uma filinha de números e andei às voltas com aquilo que não sabia para que raio tinha eu assentado a data com todo o cuidado e depois aquela carrada de números não fazia ideia imaginem que importância têm estas coisas para nós que as anotamos e depois não nos lembramos não sei se vos acontece mas a mim é mais que frequente e então peguei no telefone e disquei o tal número a ver se era mesmo um telefone se bem que seja um sítio improvável anotar um número de telefone por baixo de uma data mas sim era mesmo olá até que enfim disse-me de lá a voz então que combinamos o que tu quiseres respondi logo antes que se percebesse que não fazia a mínima ideia do que estava a falar então pronto pode ser sexta-feira no lugar do costume claro claro pode sim está combinado então está sim até sexta sim sim beijinhos beijinhos e desligou isto já foi antes da sexta-feira passada e continuo sem fazer a mínima ideia de quem era nem do que se passou
publicado por manchinha às 10:39

Por menos saltei um janela! Vê lá no que te metes!
Pilantra a 22 de Janeiro de 2008 às 19:12

eu cá por dignidade não salto pronto
manchinha a 26 de Janeiro de 2008 às 11:22

manchas negras, cinzentas e brancas em todos os cantos da nossa vida. que fazer senão chocar de frente com elas e esperar que o acidente tenha consequências notáveis?
mais sobre mim
Janeiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
19

20
21
23
24
25
26

27
29


pesquisar
 
blogs SAPO