manchinha

Fevereiro 17 2008
tenho uma mão cheia de defeitos a apontar ao mundo real pois os objectos as coisas as árvores a natureza tudo isso tem vida e vontade própria não desfazendo em todos os maravilhosos e convincentes manuais de auto-valorização segredos e coisas que tais até acho magnífico de repente adquirir a capacidade de nos sentirmos como buldozers que avançam pela vida sem que nenhum obstáculo lhes faça frente mas o uso da força é directamente proporcional às suas consequências não é e à qualidade do seu usufruto também estive a passar os olhos em todos esses manuais de drugstore sobre auto-conhecimento auto-aperfeiçoamento auto-enriquecimento e já me estou a imaginar claro sentada numa cadeira de fazer massagens seis horas por dia a meditar no próximo bilhete premiado de lotaria que vou comprar e já me estou a ver a desfilar nas passadeiras com um vestidinho sem costas transparente para deixar ver o meu corpo belo e esguio e sem defeitos que também vem com os manuais de auto-ajuda e não dizem nem em letras pequeninas a quantidade de dor nem a duração dessa mesma dor relacionada com as semanas e meses de cirurgia plástica e outras medida draconianas impostas a quem quer frequentas as passerelles mas é tão fácil chegar às prateleiras e arrebatar não um não dois não três mas uma colecção de manuais de auto-ajuda ou então ir a correr para a igreja culto seita templo salão reunião espiritual e orar mas orar mesmo muito em agradecimento a um deus que nos fez miseráveis horríveis e desadequados mas só pelas melhores razões só porque nos tenciona compensar numa vida futura ora bem acho que já ouvi isto em inúmeras entrevistas de emprego incontáveis conversas com patrões absolutamente crentes nas técnicas demagógicas e olha vai pondo a cenoura à frente do burro que ele quando se cansar volta a pastar
publicado por manchinha às 10:44

... "Mas também não me preocupo...não percebo, tal como tu. Mas quem percebe? Quem lê infinitos livros, na esperança da sabedoria o ajudar? Ou precisamente quem vive o dia a dia na confiança dos balanços e das curvas encaixarem na perfeição da consciência do que é viver? Ou quem não vive, apenas sobrevive às tentações que o mundo materialista oferece?..." ...

ps: este é um excerto de um texto no qual estou a trabalhar.
Só Maria a 18 de Fevereiro de 2008 às 01:02

prometedor anda mostra o resto e aqui sabes mostram-se momentos desabafos confissões às vezes verdades momentâneas e há que as temperar com o senso comum e jamais esquecer que uma boa prosa é muitas vezes pouco mais do que uma explosão de momento e a vida segue como normalmente
manchinha a 18 de Fevereiro de 2008 às 10:48

manchas negras, cinzentas e brancas em todos os cantos da nossa vida. que fazer senão chocar de frente com elas e esperar que o acidente tenha consequências notáveis?
mais sobre mim
Fevereiro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

13
14
16

18
19
21

24
25
28


pesquisar
 
blogs SAPO